Presidente da Região de Turismo do Algarve anuncia recandidatura

Loulé, 14 de Agosto de 2015
Retrato Institucional do Presidente da Entidade Regional de Turismo do Algarve, Sr. Desidério Silva
Foto: Vasco Célio / Stills

Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), anuncia recandidatura ao cargo para o mandato de 2018 a 2023.

Segundo a informação avançada à imprensa, «o Turismo do Algarve consolidou o crescimento do turismo no Algarve, atenuando a sazonalidade do destino» desde o ano de 2012.

Assim, «um dos seus [de Desidério Silva] primeiros projetos foi elaborar um Plano de Marketing Estratégico que definiu como prioridade uma diversificação da oferta turística do Algarve, com o destino a apostar em produtos complementares como o Turismo de Natureza, onde os passeios de bicicletas, as caminhadas, a observação das aves, o Turismo Desportivo, o Turismo Náutico, a Gastronomia & Vinhos, o Touring, o Hipismo, entre outros», enumera.

O atual presidente da RTA declara que «é com sentimento de dever cumprido que chego ao final do meu mandato frente à Região de Turismo do Algarve. Ao longo destes 5 anos e meio, o turismo da região mudou: temos hoje uma oferta mais diversificada, de maior excelência, em que valorizamos mais os nossos recursos naturais, o nosso património cultural e as nossas tradições. E isto só foi possível graças à colaboração de todos os municípios, de todos os operadores, das entidades do sector e de todos os que colaboram com a RTA, incluindo todos os seus funcionários».

Acrescentou ainda que «este é um projeto para ser encarado a longo prazo: sempre estive ligado ao Algarve, e sempre participei de forma ativa no desenvolvimento da região e pretendo continuar o meu papel para fortalecer a Imagem do Algarve enquanto destino de excelência ao nível dos maiores destinos turísticos mundiais, sempre com vista à sua sustentabilidade, ao bem-estar dos residentes e à satisfação dos turistas que nos visitam».

 

Turismo na região regista resultados record

O turismo algarvio tem registado records significativos em vários indicadores da atividade turística. No «ano passado o Algarve ultrapassou os 19 milhões de dormidas, um aumento de 33% face ao início de mandato de Desidério Silva. Em cinco anos, registou-se ainda um aumento de 76% dos proveitos totais da hotelaria algarvia e mais 54% de passageiros processados pelo Aeroporto de Faro», aponta a mesma fonte.

Nos últimos cinco anos verificou-se «um aumento de 76% dos proveitos totais da hotelaria algarvia e mais 54% de passageiros processados pelo Aeroporto de Faro. A sazonalidade, um dos maiores desafios ao turismo no Algarve tem vindo a ser esbatido de forma gradual e consistente: as dormidas em época baixa aumentaram 45% entre 2012 e 2017».

A região tem alcançado um lugar de destaque a nível internacional, no que respeita ao turismo, e conquistado prémios nacionais, tais como «Marca de Confiança» e «Melhor Região de Turismo do País».

As parecerias entre a RTA, os Municípios e as Associações Empresariais, a aposta no programa «365 Algarve», a valorização da «relação etre o Turismo e Cultura» e a «consolidação do Masters de Golfe no Algarve», são fatores que Desidério Silva tem em conta na sua decisão de se «recandidatar à Presidência da Região de Turismo do Algarve, tendo como mandatário o Senhor André Jordan, conhecido pelo seu contributo ativo para o turismo do Algarve e considerada uma das personalidades mais influentes do turismo a nível mundial».

O candidato conclui que a sua «recandidatura é pelo Algarve e na defesa do Algarve como tem sido toda a minha intervenção cívica e pública ao longo da minha vida».

 

@Foto de destaque: Sul Informação