O Nostálico

E assim foi! Mais uma vez fui festejar no Marquês de Pombal. Lamento mas hoje tinha mesmo de começar com o futebol…

Mesmo perdendo a maioria dos dérbis e clássicos com os seus rivais das Antas e da Calçada de Carriche, o glorioso SLB conquistou com muito mérito o 35.º título de campeão nacional de Portugal. Este final de época está a ser muito interessante, faltando apenas uma boa participação da nossa seleção em terras gaulesas para termos a cereja em cima do bolo! Sport Lisboa e Benfica campeão nacional pela 35.ª vez (relembro que o clube das Antas tem 26 títulos e o clube de Alvalade tem 18 títulos) e vencedor da taça da liga, Sporting de Braga vencedor da taça de Portugal, um treinador português, José Mourinho, anunciado como treinador do 2.º maior clube do mundo, Manchester United, Real Madrid com dois portugueses como campeão europeu de clubes e a seleção nacional de sub-17 como campeã europeia de seleções, e logo contra os castelhanos! A Padeira de Aljubarrota e os heróis da restauração agradecem.

Ou seja, e para terminar, em termos futebolísticos, só mesmo o sucesso da seleção nacional no Euro 2016 para ser uma época em grande. Tal como diz o lema do grupo dos Armandos, esse grupo de heróis portugueses que vai correndo mundo no apoio a Portugal: “Sampre en Fran!” pelos caminhos da França.

Na política nacional nada de novo! Um presidente da república a fazer tudo para defender algo que ainda não se percebe se é defensável. Mas pelo menos tenta! Uma greve dos estivadores no porto de Lisboa que envergonha muito boa gente que trabalha de sol a sol, muitos sem metade das regalias desses senhores. Um conflito com as escolas privadas que existindo razão da parte do governo, e em alguns casos, até julgo ter, porque já chega de existirem tratamentos para gregos e outros tratamentos para troianos, apenas me choca um pouco desta poeira ser levantada no final de um ano letivo onde 9000 alunos precisam de alguma estabilidade para concluir os seus estudos. E por fim as 35 horas de trabalho…Venham as mesmas horas também para o privado! O que mais posso eu dizer?

Em Monchique temos a reabertura do Hotel Macdonald Resort & Spa, esperando sinceramente que possa acolher uma das ações de lançamento do novo SUV da marca que represento, a rota do petisco em diversos estabelecimentos monchiquenses e a promessa da nova ministra da justiça da reabertura do tribunal de Monchique! Não foi, não é, nem será nestas pequenas coisas que a despesa pública vai diminuir! Mas deve persistir o bom senso, e não olhar apenas para cada um dos nossos umbigos, porque quando o investimento estrangeiro diminui, as importações crescem, as exportações diminuem e o desemprego aumenta, provavelmente não é por obra do treinador do Sporting e/ou do futuro treinador do Clube das Antas, Jesus e Espírito Santo…

Despeço-me com os sinceros desejos de que o pais das oportunidades, o ainda novo mundo nos Estados Unidos da América, não se torne numa TRAMPA.