Monchique é o município do Algarve mais barato para comprar casa, segundo o portal Idealista

Monchique é o município do Algarve mais barato para comprar casa, segundo o índice do portal imobiliário Idealista que foi divulgado esta semana. O relatório também dá conta de que os preços das casas no Algarve subiram 2,1% no primeiro trimestre de 2024.

Onde o preço mais subiu foi nos municípios de São Brás de Alportel (4,3 por cento) e Tavira (4,2 por cento), seguindo-se Vila Real de Santo António (3,3 por cento), Olhão (3,2 por cento), Aljezur (3,1 por cento), Vila do Bispo (2,8 por cento), Monchique (2,3 por cento), Lagoa (2 por cento), Silves (1,9 por cento), Loulé (1,4 por cento), Lagos (1,2 por cento), Albufeira (1 por cento), Faro (1 por cento) e Portimão (0,9 por cento).

Assim, o município mais caro para comprar casa é Loulé (4.010 euros/m2), cujos preços ultrapassaram pela primeira vez os 4.000 euros/m2, e o mais económico é Monchique (2.289 euros/m2). Entre estes dois municípios incluem-se ainda Vila do Bispo (3.830 euros/m2), Lagos (3.803 euros/m2), Aljezur (3.551 euros/m2), Lagoa (3.381 euros/m2), Albufeira (3.355 euros/m2), Tavira (3.138 euros/m2), Faro (2.926 euros/m2), Vila Real de Santo António (2.849 euros/m2), Olhão (2.820 euros/m2), Silves (2.809 euros/m2), Portimão (2.583 euros/m2) e São Brás de Alportel (2.510 euros/m2).

A nível nacional, o preço da habitação subiu 1,9 por cento no primeiro trimestre, situando-se em 2.610 euros/m2.

Share Button