Monchique e Lagoa reforçados com Núcleos de Apoio para Crianças e Jovens em Risco

Monchique e Lagoa são reforçados com Núcleos de Apoio para Crianças e Jovens em Risco através do Agrupamento de Centros de Saúde do Barlavento da Administração Regional de Saúde do Algarve. Com estes duas novas valências, todos os concelhos algarvios têm, a partir do mês de fevereiro de 2018, um núcleo na sua área de influência.

Com o objetivo de criar proximidade no âmbito do Sistema Nacional de Saúde (SNS) foi alargada a capacidade de resposta nos serviços, assim como a área de cobertura para proteção de crianças e jovens na prevenção dos maus tratos, na intervenção neste domínio e na promoção de boas práticas face a esta problemática, lê-se no site da ARS.

Segundo a informação disponível, «estes Núcleos de Apoio para Crianças e Jovens em Risco (NACJR) são uma referência institucional no que diz respeito a maus tratos em crianças e jovens, tanto na prevenção junto da população, como na consultadoria realizada aos outros profissionais, na condução de casos e na interlocução com outras entidades de primeira linha com competência em matéria de infância e juventude».

As equipas dos NACJR foram criados no âmbito da Ação de Saúde para Crianças e Jovens, de forma a reforçar a prevenção e a resposta aos maus tratos e à violência. Este cumprimento está previsto no Despacho n.º 5656/2017, de 28 de junho e pretende-se uma «abordagem mais holística, continuada e preventiva».

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *