Monchique convida a «descobrir o seu interior» em nova campanha de comunicação

«Venha descobrir o seu interior» é o nome da nova campanha de comunicação que o Município de Monchique criou e que tem como principal mote «viver a essência da terra, conhecer um local genuíno, com fortes tradições e que apela à descoberta».

Com uma nova imagem e um novo conceito e criada por pessoas locais, esta campanha vem, segundo a autarquia, «assumir um especial destaque, não só pela época em que vivemos, mas também por todo o processo que foi feito para a concluir», uma vez que contou com a colaboração de «gente genuína que conhece bem a sua terra», como o fotógrafo Pedro Inácio e os dois jovens que dão a cara à mensagem – Inês Águas e Diogo Camejo.

«Desde os modelos ao fotógrafo e aos técnicos que acompanharam as diferentes etapas, este trabalho revela-se genuíno. E é essa genuinidade que a autarquia pretende transmitir e que espera que as pessoas a possam reconhecer e absorver», explica a Câmara Municipal de Monchique (CMM).

A campanha visa ainda atrair pessoas que partam à descoberta da «essência da terra», pois «Monchique tem muito para oferecer, que vai para lá do verão», como «trilhos a percorrer, pessoas a conhecer, sabores a desfrutar, sensações a viver. Um Algarve genuíno e autêntico, tão longe do litoral que permite descansar e tão perto que permite um mergulho nas duas costas a menos de 30 minutos», acrescenta a CMM.

«Venha descobrir o seu interior»

A sinestesia leva-nos a associar sentidos. Leva-nos a um cruzamento de emoções que nos despertam um conjunto sensorial que nos faz, de certa forma, apreciar o que nos rodeia mais intensamente.

Este ano atípico, contribuiu para que fosse despertado em nós, qualquer coisa de profundo, como se quiséssemos viver tudo mais intensamente, com o receio que não poder vir a fazê-lo novamente.

Ações simples e rotinas banais transformaram-se para criar momentos únicos e singulares.

Gostaríamos muito que este texto tomasse um sentido turístico, que incentivasse às viagens e aguçasse o sentido para explorar e descobrir. No entanto, vamos simplesmente tentar transmitir o que nós, que vivemos Monchique todos os dias, sentimos.

O resto fica nas suas mãos. Caberá a si decidir se quer conhecer este interior do país e quem sabe, descobrir o seu interior também!

É possível sentir-se saudades do que não se fez? É possível sentir-se a falta daquilo que não se viveu?

Quando imaginamos profundamente uma coisa e desejamos intensamente que isso aconteça, criamos imagens e ações que nos fazem sentir a falta de qualquer coisa.

Isso acontece, quase sempre, quando preparamos uma viagem e desejamos conhecer mais um pedaço deste mundo. Criamos sensações, esperamos memórias, recriamos experiências.

Este é o nosso tempo. Aqui e agora. Não deixe para amanhã o que pode fazer hoje, porque todos já sabemos que o tempo muda a uma velocidade vertiginosa. O tempo que o tempo tem pode ser diferente! Vamos então viver este tempo que é nosso! Desfrute da abundância de cores, formas, tamanhos e texturas que a natureza nos oferece e, que garantimos, é tão rica por aqui!

Natureza, serra, água na sua plenitude, atividades desportivas e experiências de bem-estar. Há propostas para todos os gostos, na certeza de tempo bem passado. Daquele tempo para se sentir saudades do que se viveu e voltar onde se foi feliz!

Criar experiências e gerar boas memórias. Em grande parte, é para isso vivemos.

Uma oportunidade para usufruir do silêncio e da natureza, numa experiência reparadora para o corpo e para a alma. Desfrute e aceite esta nossa sugestão! Monchique espera por si!

Venha descobrir o seu interior