Escola Básica Manuel do Nascimento vai ser requalificada

O Município de Monchique assinou, no passado dia 8 de outubro, um acordo de colaboração com o Ministério da Educação e da Ciência, com vista à requalificação da Escola Básica Manuel do Nascimento. O ato contou com a presença de José Alberto Moreira Duarte, Diretor-Geral dos Estabelecimentos Escolares e Rui André, presidente da Câmara Municipal de Monchique (CMM).

O estabelecimento de ensino apresenta algumas carências e já em 2009 tinha sido alvo de um protocolo de delegação de competências para manutenção e transferência dos recursos humanos, todavia, desse acordo entre a edilidade e o Ministério da Educação apenas resultara uma comparticipação reduzida que não permitia obras de maior dimensão.

Apesar do projeto estipular a renovação do edifício, a CMM considera importante construir uma escola nova, mas levanta a dúvida quanto à sua localização. No entanto, dá preferência ao atual espaço, tendo em conta «a sua proximidade com outros equipamentos que a autarquia já dispõe de apoio, como as piscinas municipais».

Para Rui André, presidente da CMM, a construção desta nova escola vem da «necessidade de dotar este concelho de um equipamento novo, capaz de acompanhar a qualidade do ensino aqui praticado e do excelente trabalho de todos os intervenientes no processo educativo local». Sendo a educação um «setor estratégico» e o concelho de Monchique «um exemplo em termos de apoio e qualidade no ensino», a existência de «um equipamento moderno e adequado aos tempos que correm» será uma mais valia «em termos de conhecimento e preparação futura que é a formação individual das nossas crianças e jovens», acrescenta o edil.

O acordo estabelecido tem um valor de encargo global estimado de 4.240.000,00€ e prevê que a CMM seja a responsável pela obra, com um prazo 12_rui andréde construção de 24 meses. Vai ainda permitir que o município efetue uma candidatura a Fundos Comunitários, no âmbito do Programa Operacional Regional do Algarve nos termos previstos para a aplicação da Prioridade de Investimento 10.5, previsto no Mapeamento efetuado pelos organismos regionais que gerem os Fundos Comunitários para 50% do financiamento da obra.

A nova escola básica de Monchique será dotada de um pavilhão, cujas infraestuturas vão permitir que seja o principal espaço desportivo do concelho e que possa ser utilizado não só para as aulas de educação física como para outras atividades desportivas. Nesse sentido, este espaço será constituído por bancadas e terá todas as condições para ser um equipamento de referência e receber diversas provas desportivas e outro tipo de eventos, «uma vez que o tecido associativo local é bastante dinâmico e o atual pavilhão municipal já começa as ser insuficiente e desadequado para as necessidades locais», salienta a CMM em nota de imprensa.

O autarca acrescenta ainda que «este deverá ser um processo participado por todos, com especial atenção para a Comunidade Educativa que deverá definir a escola que quer ter nos próximos anos», pelo que «será promovido um amplo debate e participação, mesmo antes de ser realizado qualquer projeto ou candidatura».