Cirurgia vascular avança no Algarve em setembro

O Centro Hospitalar do Algarve (CHA), que engloba os Hospitais de Portimão, Faro e Lagos, vai abrir um novo serviço de cirurgia vascular, já a partir do mês de setembro.

O plano agora assinado entre o CHA e o Centro Hospitalar de Lisboa Norte (CHLN) traduz-se na abertura da consulta de cirurgia vascular e da atividade cirúrgica, algo que até aqui era inexistente na região.

Para o presidente do Conselho de Administração do CHA, Joaquim Ramalho, a abertura deste serviço vai ser «determinante na melhoria do acesso e qualidade dos serviços de saúde prestados numa especialidade cuja resposta não existia na região».

Segundo apurou o Jornal de Monchique a equipa de especialistas, que tem como objetivo a criação e desenvolvimento de um serviço autónomo de cirurgia vascular, é constituída por três médicos do CHLN, que integra o Hospital de Santa Maria, sendo que a periodicidade será, para já, atribuída conforme as solicitações que existirem.

Joaquim Ramalho realça «a importância estratégica e assistencial deste tipo de protocolos de colaboração que beneficiam diretamente a população, aumentando a capacidade de resposta do CHA e contribuindo de forma decisiva para o seu desenvolvimento e consolidação como estrutura de referência no Serviço Nacional de Saúde».

Este é o mais recente acordo estabelecido ao longo dos últimos meses entre entidades de saúde do Algarve e de Lisboa e Vale do Tejo, dado que áreas de oncologia, a ortopedia a reumatologia já tinham sido reforçadas.

 

cirurgia-vascular
Carlos Neves Martins. presidente do Centro Hospitalar Lisboa Norte e Joaquim Ramalho, presidente do Centro Hospitalar do Algarve