Boas férias!

Estamos em pleno verão. Calor, bom tempo, praias cheias, esplanadas a abarrotar, animação por todo o lado. Os algarvios têm o privilégio de viver numa das melhores regiões do mundo e mesmo que refilem um pouco com os excessos do litoral nesta altura de aumento da densidade populacional sabem que este é um tempo de oportunidades. Muita gente consegue ganhar algum dinheiro, criar relações, saber da informação estatística a indicar que este ano, em particular, é um dos melhores de sempre para o turismo regional.

Tem havido alguma discussão acerca dos motivos que justificam este bom ano turístico. Desde a melhoria da qualidade dos serviços prestados, à divulgação bem feita nos locais de onde podem vir muitos clientes, até às condições favoráveis por via das situações mais conturbadas e de conflito noutras partes do mundo mas especialmente em zonas diretamente concorrenciais com o Algarve.

Provavelmente são todos argumentos válidos esses que se afirmam. No entanto, cremos que a razão de ser da inclusão desta esta região nos melhores circuitos de lazer é o seu conjunto rico de potencialidades e que são inumeráveis. A localização, a gastronomia diversificada num espaço não muito grande, o sol, a areia das praias, a qualidade das águas, a estabilidade social, a tranquilidade descontraída que se vive em qualquer cantinho, as pessoas e a sua forma de estar, a cultura material e imaterial, e muitas mais coisas bonitas que não são beliscadas sequer por um ou outro aspeto menos positivo.

É por este prisma que os cidadãos, os responsáveis gestores a todos os níveis, os governantes do país, devem decompor a luz que ilumina este retângulo deitado a sul e com a mesma forma geográfica de Portugal.

Somos a região portuguesa mais multicultural, quer pelas pessoas que nos visitam quer pela nossa genética. Isso é talvez das nossas maiores valias. Esta premissa precisa de ser bem entendida e interiorizada. Ganharemos todos com isso porque mesmo nos dias mais nublados o potencial humano algarvio estará sempre ativo.
Boas férias!