AMAL promoveu ação de Fogo Controlado em Monchique

A Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL), através do seu Gabinete Técnico Florestal Intermunicipal, e em parceria com o Município de Monchique e a Associação dos Produtores Florestais do Barlavento Algarvio (ASPAFLOBAL), promoveu, no dia 7 de fevereiro, uma ação de Fogo Controlado em Monchique, em parcelas com povoamentos de eucalipto.

Participaram nesta ação diversos técnicos com a credenciação em Fogo Controlado, obtida através do curso de formação promovido pelo Gabinete Técnico Florestal Intermunicipal da AMAL, em 2021/2022, informa a entidade em comunicado. A técnica de Fogo Controlado exige “conhecimentos profundos do uso do fogo no ecossistema, que não pode aplicar-se indiscriminadamente, e só está autorizada a quem for reconhecida essa competência”, ressalva.

Visando conter a propagação dos incêndios, através do controlo da acumulação de combustível vegetal, este método “permite, efetivamente, proteger povoamentos florestais, potenciar a segurança dos operacionais em combate e a salvaguarda de bens, pessoas e animais, assim como mitigar os efeitos severos dos incêndios”. Segundo se pode ler no site do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, o uso do Fogo Controlado favorece ainda “a renovação de pastagens, cria aberturas no mato denso e ajuda à constituição de campos de alimentação, ações essenciais para o pastoreio e para a caça”.

A ação que decorreu na serra contou com o apoio e colaboração do município de Monchique, dos Bombeiros Voluntários de Monchique, dos Bombeiros Voluntários de Aljezur e de uma Equipa de Sapadores Florestais da ASPAFLOBAL.

Share Button