Acaba de sair livro sobre o falar monchiqueiro

capajpeg
Capa

O livro «Glossário Monchiqueiro», da autoria de Mário Duarte, popularmente conhecido por Parente da Refóias, vai ser apresentado no próximo dia 25 de abril, às 16h00, no Restaurante Fonte dos Chorões, em Monchique.

A publicação, que constitui o segundo volume da coleção DiAmantes da Terra, editada pela Associação «O Monchiqueiro» – Grupo de Dinamização Cultural (GDC), será apresentada por Maria Alice Fernandes, docente na Universidade do Algarve. Com organização de «O Monchiqueiro» – GDC, o evento conta com os apoios do Município e da Freguesia de Monchique, entidades que também patrocinam a edição, tal como a Direção Regional da Cultura do Algarve, o Município de Loulé e as Freguesias de Marmelete e de Alferce.

Dedicado a um linguajar característico, esta espécie de dicionário/glossário expõe, através de palavras e de expressões típicas da região, os saberes e os costumes da serra de Monchique. Segundo o autor, «este livro é o resultado dum processo de recolha que efetuei durante várias décadas, no contacto direto com as gentes desta região, a que também pertenço, e surge no seguimento das minhas publicações na internet sob a designação genérica de O Parente da Refóias» com o objetivo de «deixar o testemunho duma cultura que receio que se venha a perder a muito curto prazo». Mário Duarte explica ainda que «o falar monchiqueiro, como qualquer outra linguagem oral, é uma forma de expressão forjada numa determinada realidade e a ela adaptada», sendo que o «nosso falar surgiu e desenvolveu-se na ruralidade dos seus intervenientes e autonomizou-se no isolamento duma região serrenha cuja geografia e falta de vias de comunicação o moldaram duma forma muito peculiar».

fotomduarte
Mário Duarte

Nascido em Salir, Mário Dinis Cavaco Duarte passou toda a sua infância e parte da juventude na freguesia de Marmelete, onde residiam os seus pais. Viveu em Faro e em Lisboa e após o serviço militar estabeleceu residência em Portimão, cidade de onde mantém contacto próximo com as gentes e a cultura monchiquenses.

Esta edição surge na esteira do trabalho editorial que a associação «O Monchiqueiro» – GDC tem vindo a realizar em prol da literacia e na defesa e promoção do património, de que são exemplos as obras que já publicou e os 30 anos de existência do Jornal de Monchique, recentemente completados.