Portugueses contribuem para aumento do turismo no Algarve

Os resultados da atividade turística do primeiro trimestre de 2018 já foram divulgados pelo  Instituto Nacional de Estatística (INE). Os hotéis do Algarve registaram valores positivos nos principais indicadores, comparativamente ao ano anterior.

Nas dormidas os números aumentaram em 5,6% para mais de 2,2 milhões de pernoitas. Os hóspedes subiram 8,1% para 520 mil turistas e os proveitos totais cresceram 11,5%, o que corresponde a 88,1 milhões de euros entre janeiro e março deste ano.

Na performance mensal correspondente a março em comparação com os restantes meses do trimestre, o valor atingido é de mais 10,7% nas dormidas, mais 18,1% nos hóspedes e 17,2% nos proveitos. A explicação destes resultados na hotelaria algarvia é dada pelo INE, que justifica que os valores «foram influenciados pelo efeito de calendário do período da Páscoa, com impacto no final de março».

O INE refere ainda que em março «o mercado interno acelerou», registando um crescimento superior ao externo, tendência que se verifica na região desde o início do ano.

As dormidas dos portugueses no Algarve cresceram 25,1% (mais 14,6% que em fevereiro), enquanto os mercados externos apresentaram um aumento menos significativo, na ordem dos 2,3% (menos 1,2% que em fevereiro).

Os primeiros três meses de 2018 ficam ainda marcados pelos resultados parecidos aos mesmos do ano anterior alcançados nos campos de golfe do Algarve (327,5 mil voltas de golfe) e no aeroporto de Faro (902,7 mil passageiros movimentados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *