Plataforma «Ajuda Monchique» continua a apoiar as vítimas do incêndio

A Plataforma «Ajuda Monchique» (PAM) está ativa há 30 dias e tem apoiado as vítimas do incêndio que lavrou na serra de Monchique, e nos concelhos vizinhos de Portimão e Silves, no início do mês de agosto.

Mais de 150 voluntários participaram nas atividades promovidas pela PAM, que foi apoiada por 217 doadores, entre pessoas singulares e instituções, que permitiram que a ajuda em bens alimentares e de primeira necessidade chegasse a mais de 160 familias afetadas.

Entre os números disponibilizados pelo PAM no seu  boletim informativo de 6 de setembro de 2018, constam as 330 famílias referenciadas pelas instituições públicas e privadas, 64 agregados que receberam apoio técnico e material para o restabelecimento de sistemas de águas para consumo e irrigação, 12 famílias apoiadas com eletrodomésticos e mobílias e 7 foram referidas para alojamento temporário.

Quanto às informações úteis para as pessoas afetadas, o «Supermercado Social» está aberto de segunda a sexta, entre as 9h00 e as 17h00, e encontra-se situado na Rua Serpa Pinto (junto à GNR). A Câmara Municipal de Monchique (CMM) abriu este supermercado que «dispõe de bens alimentares, de higiene e de primeira necessidade». Podem aceder a este supermercado «todas as famílias (ou pessoas singulares) registadas pela CMM como tendo sofrido perdas totais ou parciais de primeira habitação».

A receção e distribuição de bens é uma das valências que continua ativa e que está a ser feita em parceria com a CMM e a Associação Espiral de Vontades. As necessidades mais urgentes são atualizadas aqui.

A questão da água é uma das áreas prioritárias do apoio prestado pela «Ajuda Monchique», que tem atuado no sentido de «recuperar os seus sistemas de água para consumo e irrigação».

Além deste apoio prático às vitimas, vão ser desenvolvidas terapias a partir do dia 10 de setembro. Estas serão oferecidas por profissionais voluntários e são dirigidas às «pessoas que tenham sido diretamente afetadas pelo incêndio».

Segunda-feira – Choaching emocional / Recomeço – 14h00-20h00

Terça-feira – Barras de Acesso (massagem crânio) – 10h00 às 20h30

Quarta-feira – Gestão de stress e trauma – 16h00 – 19h30

Quinta-feira – Apoio emocional – 18h00 – 19h30

As terapias são gratuitas e vão decorrer no Quartel dos Bombeiros Voluntários de Monchique, Estrada de Sabóia. Deve inscrever-se através do email refugionoparaiso@gmail.com, por contacto telefónico 965472353 ou passar pelo Ajuda Monchique – Rua Serpa Pinto 70-74 de Segunda a Sexta das 9h às 17h.

Pode conhecer mais sobre o trabalho da Plataforma «Ajuda Monchique» através do seu site  ou página do facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *