Perna de porco estufada à moda da Ilha da Madeira

Ingredientes: 1kg de perna de porco limpa, 1 copo de vinho branco, 4 bons dentes de alho, 1 cebola, 1 ramo de cheiros (salsa e louro), 1 colher (de chá) com colorau, sal e pimenta q.b., 120g de margarina e 300g de arroz.

 

I
Primeiro, a carne é bem esfregada,
Com dois dos alhos, bem esmagados,
Para depois, ser salpicada
Com a pimenta e sal aconselhados.

II
Antes de qualquer operação,
Também com colorau, vai polvilhar,
Prepare a frigideira, de antemão,
Pois que a carne, a seguir, vai alourar.

III
Alourada, sem deixar queimar,
Retira a frigideira e põe de lado,
Prepare o tacho que pretende usar,
Pois nele, vai fazer o refogado.

IV
A restante margarina põe no tacho
Com a cebola, já picada a preceito,
E, se os alhos esmagou, conforme eu acho,
Vão com o ramo de cheiros que tem a jeito.

V
Depois que a cebola, estar lourinha,
O vinho, de pronto, vai juntar,
Mais a carne que, ali, à espera, tinha,
Tal como a água p’ra estufar.

VI
Cerca de uma hora vai ficar,
Até estar, de todo, bem passada,
Quanto a isso, pode confirmar,
Se suco não sair, ao ser espetada.
VII
O caldo que no tacho, enfim, ficou,
Meio litro reserva, após passado,
Se, por acaso, demais, evaporou,
Com água, vai ser acrescentado.

VIII
Se os temperos já rectificou,
E, por água, o arroz já fez passar,
O tacho que, ao lume, já voltou,
Espera a fervura, levantar.

IX
Despeje o arroz de uma assentada,
E aguarde a fervura regressar,
Para ser, de imediato, moderada
A força do calor que vai usar.

X
Dez, doze minutos, vai lá estar,
Até que tenha tempo de cozer,
Se o líquido está perto de esgotar,
Tirá-lo do lume tem de ser.

XI
O tacho, então, deve abafar,
Utilizando folhas de formal,
Vai, logo, a salada preparar,
Que, como sempre, é fundamental.

XII
Em fatias finas já cortada,
A carne deverá à mesa ir,
Pelo arroz bem rodeada,
Já posta num prato de servir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *