Não há bela sem senão, nem sol sem proteção!

E eis que chegou o tão aguardado Verão! Chegaram os dias longos de sol, com temperaturas quentes, em que apetece usufruir do sol na esplanada, na praia, na piscina ou nos afazeres do campo.

Todos sabemos que o Sol faz bem à saúde, desde que a exposição seja moderada e com a protecção necessária.

A UCC Mons Cicus, que integra o Agrupamento de Centros de Saúde do Barlavento da Administração Regional de Saúde do Algarve, tem em agenda para o mês de Julho com o apoio do Município de Monchique a realização de duas ações de sensibilização uma no dia 10 Julho, durante toda a manhã no Largo dos Chorões e à tarde nas Piscinas Municipais, o objectivo de sensibilizar/informar a população sobre os cuidados a ter para usufruir do sol sem correr riscos.

No âmbito do projecto “Encontro com o Especialista” está agendada uma ação de sensibilização com o Dr. André Laureano, médico Dermatologista, no dia 27 de Julho às 18h00, na sala Multiusos da Junta de Freguesia de Monchique, todos estes encontros são gratuitos e abertos a toda a população.

O sol para além da luz visível, emite radiações não visíveis: raios ultravioleta B (UVB), necessários à produção de vitamina D, mas que podem ser responsáveis por queimaduras e cancro de pele, os raios ultravioleta A (UVA) que contribuem para o envelhecimento precoce da pele e os raios infravermelhos, que levam ao aumento da temperatura ambiente e a exposição continua aos mesmos levam a lesões profundas da pele, contribuindo para o envelhecimento.

A incidência dos vários tipos de cancro da pele tem vindo a aumentar devido, essencialmente, à mudança de comportamentos a favor de uma exposição aos raios ultravioleta exagerada ou inadequada.
Como posso prevenir

1. Evitar a exposição solar entre as 11 horas da manhã e as 16 horas.

2. Beber muita água para manter a hidratação e evitar o consumo de bebidas alcoólicas.

3. Usar protector solar com índice adequado ao tipo de pele, no mínimo fator de proteção solar (FPS) 30, 30 minutos antes da exposição solar, reaplicado de 2 em 2 horas ou sempre que tomar banho.

4. As roupas devem ser largas, leves e frescas de tecido opaco.

5. Usar chapéu de abas largas e óculos de sol que protejam contra a radiação UVA e UVB.

Benefícios da Exposição solar

– Promove a síntese de vitamina D necessária para fortalecer os ossos, a exposição deve ser de pelo menos, 15 a 30 minutos por dia, antes das 10h da manhã e após às 16h. Portugal, embora tenha uma posição privilegiada em termos de exposição solar, tem uma percentagem elevada de pessoas com baixa de vitamina D, derivado ao estilo de vida, sedentarismo e falta de atividades realizadas ao ar livre.

– Aumenta a produção de endorfinas, substâncias antidepressivas naturais, que promovem sensação de bem-estar e aumentam os níveis de alegria.

– Estimula a transformação da Melatonina (hormona produzida durante o sono), em Seretonina, que promove a sensação de bem-estar, alegria e bom humor.

– Ajuda a regular os ciclos de sono.

– Tem o efeito benéfico em doenças de pele como a psoríase, acne, eczema e infecções de fungos.

Grupos de maior Risco
· Crianças.
· Idosos.
· Doentes imunodeprimidos.
· Pessoas de pele branca, olhos claros, cabelos ruivos ou louros e com sardas.

Bebés com menos de 6 meses não devem ser expostos ao sol e deve evitar-se a exposição solar direta de crianças com menos de 3 anos.

Dicas

– A exposição ao sol deve ser feita de modo progressivo e gradual.

– As horas menos perigosas são aquelas em que a nossa sombra é mais pequena que nós.

– Nos períodos de maior calor deve permanecer em ambientes frescos.

– Uma alimentação saudável, rica em frutas e legumes ajuda a evitar a desidratação.

– Sinais e cicatrizes devem ser protegidos e evitar a exposição solar.

Goze os benefícios do sol protegendo-se!
É um conselho da UCC MONS CICUS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *