Município de Monchique cria linha gratuita de apoio psicossocial para idosos e pessoas isoladas

O Município de Monchique criou uma linha gratuita de apoio psicossocial direcionada a famílias, idosos e pessoas isoladas do concelho.  A linha está disponível deste ontem e para ter acesso basta ligar para o número 800 500 344 ou enviar um e-mail para apoio.psicossocial@cm-monchique.pt.

De acordo com a Câmara Municipal de Monchique (CMM), esta linha está «preparada para ser uma voz amiga e um apoio a todos os que se encontram mais isolados ou se sintam mais sozinhos ou vulneráveis», uma vez que constitui um importante instrumento «no fortalecimento da perceção de suporte social por parte da comunidade de Monchique, contribuindo assim para uma maior resiliência face à situação atual».

Esta iniciativa foi desenvolvida com o objetivo de «combater as vulnerabilidades associadas ao isolamento social» e, ao mesmo tempo, «facilitar a mobilização de estratégias pessoais que previnam ou minimizem as reações agudas de stresse expectáveis neste tipo de contexto de incerteza e medo, através da literacia para a saúde», acrescenta a autarquia em comunicado.

Neste sentido, esta linha procura «minimizar o impacto negativo do atual problema de saúde pública na vivência diária», prestando apoio psicossocial a indivíduos e famílias e visa dar informações «sobre os apoios e recursos disponíveis no concelho, promovendo a sua conexão à rede de suporte social através da articulação com as respostas da Rede Social de Monchique».

A ação resulta de uma parceria entre o Município de Monchique e a Vicentina – Associação para o Desenvolvimento do Sudoeste, que é também a entidade responsável pelo «Centro de Apoio à Família e à Comunidade de Monchique», pelo que esta linha irá a prestar apoio às crianças que já estavam abrangidas por este projeto, que nesta altura serão «acompanhadas no seu domicílio, quer através da via telefónica, quer pela internet.»

Esta linha de apoio psicossocial é dinamizada por psicólogos e outros técnicos de formação especializada e «poderá igualmente ser utilizada para disseminar informação e esclarecer a população sobre questões relacionadas com emprego, saúde, assim como outros apoios existentes, quer no concelho, quer por iniciativa do Governo ou outras entidades», conclui a CMM.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *