Intervenções dos vereadores do PS Monchique na última reunião de Câmara

As intervenções dos vereadores do PS na última reunião de Câmara, realizada no passado dia dde agosto, foram as seguintes:

– Quisemos marcar a nossa posição no assunto relacionado com os alunos de Monchique que terminaram o 9ºano na Escola EB 2 3 Manuel do Nascimento, com recusa de vaga na oferta formativa da Escola Secundária Poeta António Aleixo, em Portimão, para o ano letivo a iniciar brevemente.

Consideramos uma situação inaceitável, que só pode terminar quando tivermos um tratamento baseado na igualdade de oportunidades, e sem discriminações.

– Ficou acordado com o executivo PSD, na reunião de Câmara anterior, um ponto de situação com a empresa que colaborou nas candidaturas à reposição do potencial produtivo agrícola e florestal, no âmbito das candidaturas ao PDR 2020, realizadas a seguir ao incêndio de agosto de 2018, no sentido de averiguar situações pendentes e/ou não concluídas.

– Solicitamos informação sobre a entrada recente de algum pedido de operação urbanística e/ou pedido de declaração de interesse turístico, nos serviços da Câmara Municipal.

– Solicitamos ao executivo PSD que seja encontrado o melhor processo para desbloquear os casos de reconstrução das casas ardidas no incêndio atrás referido, nomeadamente, reunir com todos os intervenientes, desde a base até ao topo, para identificar elementos em falta, e avançar!

Incompreensível os dois anos passados sobre a tragédia que nos assolou a todos, e existirem ainda casos por resolver!

– Questionamos sobre a existência de notificações, por parte da ASAE, a alguns expositores presentes na feira dos enchidos deste ano (Confirmação dada pelo executivo PSD).

Existem Empresas e Empresários em Nome Individual a receberem notificações com coimas muito elevadas.

Consideramos bastante grave que o promotor do evento não tenha acautelado aos diversos expositores, uma forma legal de participação, evitando a sua exposição a esta situação.

– Solicitamos um ponto de situação sobre o projeto de implementação de fibra ótica no concelho de Monchique, para cobrir mais de 95% do concelho.

– Desde abril de 2019 que não existem atas das reuniões de Câmara, sendo urgente desbloquear rapidamente esta situação, considerada por todos inaceitável.

Informamos que seria apresentado um requerimento sobre este assunto.

Paulo Alves e Humberto Sério

 

Nota: O Jornal de Monchique vai oferecer a publicação, a partir do mês de agosto de 2020, dos comunicados/notas de imprensa emitidos pelos partidos políticos locais tal qual chegam à nossa redação, não se responsabilizando nem pelo conteúdo nem pela forma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *