Futuro Centro Museológico acolhe presépio tradicional do Alferce

O presépio da aldeia do Alferce encontra-se patente até dia 15 de janeiro no futuro Centro Museológico, na Rua de São Romão, com entrada gratuita, das 10h00 às 18h00.

Trata-se de um presépio tradicional composto por musgo, madeira, cortiça, areia e pedra, com um lago onde nadam peixes verdadeiros que distraem o olhar das cerca de cem figuras que ilustram as vivências de há mais de dois mil anos, como as tradições da matança do porco, do trabalhar a terra, de jogar à carta que são comuns na serra de Monchique.

Em relação a anos anteriores, «as diferenças estão na mudança de espaço e na disposição de cada figura», adianta fonte da Junta de Freguesia de Alferce.

Os responsáveis pela execução foram alguns elementos da população, o executivo e membros da Assembleia de Freguesia de Alferce, que contaram com o apoio do Município de Monchique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *