CREPC alerta população para risco de incêndio nos próximos dias

O Comando Regional de Emergência e Proteção Civil do Algarve (CREPC) lançou uma alerta para o risco de incêndio nos próximos dias. Esta medida tem por base a previsão de “continuação de tempo quente e seco, com temperaturas máximas acima da média para a época”, disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Nesta situação meteorológica, o CREPC destaca a “humidade relativa do ar inferior a 20% no Alto Alentejo e no interior das regiões Norte e Centro”, o “vento até 30 km/h, sendo mais intenso nas terras altas do Centro e Sul (até 45 km/h)”, a “temperatura máxima acima de 30ºC na generalidade do território, sendo de 35ºC a 38ºC em vários locais do Alentejo, Centro e Norte” e a “instabilidade atmosférica com possibilidade de trovoada seca, em especial no interior Centro e no Alto Alentejo”. A entidade regional sublinha que tais fenómenos levarão a um “agravamento do risco de incêndio no sábado para, em geral, nível superior a elevado, sendo muito elevado ou máximo no Algarve, no médio Tejo e o interior centro”.

Dado o paradigma atual, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) determinou a “passagem ao Estado de Alerta Especial (EAE), nível amarelo, para o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR), entre as 00h00 do dia 20 e as 23h59 do dia 21 de maio, nos distritos de Beja, Bragança, Castelo Branco, Évora, Faro, Guarda, Portalegre, Santarém, Vila Real e Viseu”.

Perante esta conjuntura, o comando do Algarve recorda as seguintes medidas preventivas:

  • É proibido fazer queimada extensiva sem autorização.
  • Nos dias de risco de incêndio Muito Elevado e Máximo é proibido fazer queima de amontoados sem autorização ou sem comunicação prévia.
  • Nos dias de risco de incêndio Muito Elevado e Máximo é proibido utilizar fogo para a confeção de alimentos em todo o espaço rural, salvo se usados fora das zonas críticas e nos locais devidamente autorizados para o efeito.
  • Nos dias de risco de incêndio Muito Elevado e Máximo é proibido fumigar ou desinfestar em apiários, exceto se os fumigadores tiverem dispositivos de retenção de faúlhas.
  • Nos dias de risco de incêndio Muito Elevado e Máximo é proibido lançar balões de mecha acesa e foguetes. O uso de fogo-de-artifício só é permitido com autorização da câmara municipal.
  • Nos dias de risco de incêndio Muito Elevado e Máximo é proibido usar motorroçadoras, corta-matos e destroçadores. Evite o uso de grades de discos.
  • Informe-se na sua câmara municipal ou através do 808 200 520.
Share Button