Contas regionais confirmam contributo do Algarve no crescimento económico nacional

As contas regionais referentes ao ano de 2017, divulgadas pelo Instituto de Estatística Nacional (INE), atribuem ao Algarve uma taxa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 4,8% (valor definitivo de 2016) para 3,5% em 2017 (estimativa).

De acordo com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR Algarve) estes valores confirmam «o bom momento da economia algarvia e o contributo para o crescimento económico de Portugal».

«O INE disponibilizou agora os valores definitivos de 2016 e os dados provisórios de 2017 para algumas das variáveis das Contas Regionais, confirmando que o Algarve foi, pelo segundo ano consecutivo, a região NUTS II com maior crescimento do PIB», explica.

Esta revisão do valor referente a 2016 «atribui agora à região uma taxa de variação real de 4,8% nesse ano e de 3,5% em 2017 (dado provisório)», o que reforça a «trajetória de divergência positiva face à média nacional retomada em 2014». O que se verifica em ambos os casos é que o «crescimento foi bastante superior ao que ocorreu no país», que foi de 1,9% em 2016 e de 2,8% em 2017.

Quanto ao PIB acumulado nos últimos quatro anos, o Algarve corresponde o valor de 14,5%, sendo que o valor registado a nível nacional é de 7,4%.

Para a CCDR Algarve «a região aumentou o seu contributo para o produto nacional, evoluindo de 4,56% para 4,63%, aproximando-se mais do ‘objetivo mobilizador’ Algarve 2020, que traduz a ambição de elevar esse contributo para 4,9%».

Os dados divulgados estão compilados na 4.ªa edição dos cadernos «Números em destaque» elaborados pelo Órgão de Acompanhamento das Dinâmicas Regionais (OADR) e pela CCDR Algarve, com base nos dados publicados pelo INE relativamente às Contas Regionais.

 

A CCDR Algarve promove a monitorização dos diversos indicadores para acompanhar e avaliar o desempenho regional. Pode consultar aqui as edições anteriores relativas aos trabalhos dos cadernos «Números de Destaque».

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *