Castelo de Silves recebeu ação de formação sobre conservação de estruturas arqueológicas

O Castelo de Silves acolheu, entre os dias 5 e 8 de outubro, uma ação de formação subordinada ao tema «Conservação de estruturas arqueológicas», promovida pela Rede de Museus do Algarve (RMA).

A iniciativa teve o apoio dos municípios de Silves e Albufeira e contou com os formadores Pedro Gago, técnico de conservação e restauro e Celso Simões, responsável pelo departamento de higiene e segurança no trabalho da Câmara Municipal de Albufeira.

Esta formação deu continuidade aos trabalhos de intervenção que a a Câmara Municipal de Silves (CMS) tinha iniciado em outubro de 2014, e a qual, segundo a edilidade, «se traduziu na conservação e restauro dos vestígios arqueológicos islâmicos situados no interior do Castelo de Silves, vestígios estes que datam dos séculos XII/XIII e que há diversos anos aguardavam tratamento». A obra foi aprovada pela Direção Geral do Património Cultural (DGPC) e surgiu «no âmbito da política de salvaguarda do património histórico que o município de Silves tem vindo a desenvolver, envolvendo a colaboração de diversos serviços municipais», acrescenta.

15_formação silves2

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *