Bienal de Turismo de Natureza 2019 decorre em Aljezur

Construir um futuro mais sustentável para o Algarve é um dos desafios que levam à realização da Bienal de Turismo de Natureza (BTN), que vai decorrer este os dias 22 a 24 de fevereiro, no espaço multiusos de Aljezur, das 09h30 às 22h00 (dias 22 e 23) e das 09h30 às 21h00 (dia 24). Promovida pela Vicentina, o certame pretende promover o território, a oferta existente na região e os operadores turísticos que nela atuam, sob o signo da sustentabilidade.

Durante o evento vai ser apresentada a campanha relativa à «aplicação informática para dispositivos móveis», promovida pelo Turismo do Algarve com o apoio da AMAL. Este projeto pretende «promover a região e apoiar a prática do autocaravanismo no Algarve», avança a CCDR Algarve em comunicado.

A Associação In Loco vai apresentar, no âmbito do autocaravanismo, a «Rota Serrana», que é uma das vertentes da Rede de Apoio ao Autocaravanismo da Região do Algarve (RAARA) localizada  nos territórios de baixa densidade do interior da região. Esta ação é desenvolvida em parceria com a CCDR Algarve e com os municípios de Alcoutim, Tavira, São Brás de Alportel, Loulé, Silves, Monchique e Aljezur, no contexto do PADRE – Programa de Apoio ao Desenvolvimento dos Recursos Endógenos.

No evento estará, ainda, a Enterprise Europe Network – Algarve (EEN Algarve), responsável pela dinamização do evento internacional de reuniões empresariais, também vai marcar presença neste evento. O seu «objetivo principal é ajudar as empresas a encontrar parceiros locais, nacionais e estrangeiros, através da discussão de propostas de cooperação e com a assistência de técnicos da CCDR Algarve/Enterprise Europe Network e da Vicentina».

 

Nesta edição do BTN pretende-se que exista uma «dimensão europeia de modo mais evidente», que vai ser marcada pela participação do Centro Europe Direct Algarve (CIED Algarve), uma rede de informação europeia aos cidadãos hospedada na CCDR Algarve.

 

A Região de Turismo do Algarve (RTA), parceira da iniciativa, vai marcar presença através de um «stand de destino com materiais promocionais que ajudam a divulgar o património natural da região aos visitantes», explica em comunicado.

João Fernandes, presidente da RTA, considera que «a bienal está alinhada com a estratégia definida para a região, a qual passa pela diversificação da oferta turística através de produtos como a natureza, a náutica, o touring e a gastronomia e vinhos. Só com a aposta neste tipo de oferta – que corresponde às exigências crescentes de uma procura cada vez mais sensível a questões sociais, ambientais e económicas – é que conseguiremos alcançar um desenvolvimento regional equilibrado».

Esta iniciativa é confinanciada pelo CRESC Algarve e pelo município de Aljezur, conta com vários parceiros, entre eles a RTA, a associação In Loco e a associação Terras do Baixo Guadiana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *