Assembleia Municipal aprova moções por unanimidade

A Assembleia Municipal aprovou, por unanimidade, na sessão ordinária do passado dia 26 de fevereiro, um voto de pesar pelo falecimento do cónego Firmino Dinis Ferro, ocorrido a 14 de janeiro de 2016.

Na moção pode ler-se que «o Algarve perdeu um homem bom, um homem que viveu a sua vida religiosa com dedicação e um exemplar serviço de entrega ao outro». Firmino Dinis Ferro foi ordenado padre no dia 27 de julho de 1969 na Sé de Faro e exerceu as funções eclesiásticas nas Paróquias de Monchique entre 1974 e 1989, onde deixou «um importante legado, do qual nos devemos orgulhar e contribuiu com mestria e empenho para uma formação rica em valores a várias gerações de jovens monchiquenses».

No mesmo dia foram ainda aprovadas, também por unanimidade, uma moção a pedir a reversão da extinção do tribunal de Monchique, outra relativa ao repúdio pela exploração de hidrocarbonetos no Algarve e uma congratulação pela revolução do 25 de Abril expressa nas comemorações dos 40 anos da Constituição da República, aprovada em 1976.