ALGAR reforça rede de equipamentos de deposição seletiva

A ALGAR está a reforçar o número de ecopontos em locais de maior concentração populacional. Nesta segunda fase a empresa responsável pela valorização e tratamento dos resíduos urbanos no Algarve vai colocar 3500 equipamentos.

No primeiro semestre deste ano foram instalados 400 equipamentos. De acordo com a empresa, «a população algarvia irá beneficiar de um aumento na capacidade de contentorização, correspondente a cerca de 30%, face ao número de contentores disponibilizados para a deposição seletiva».

«Os 16 municípios do Algarve vão poder contar com uma rede de cerca de 3500 ecopontos, o que se traduz no rácio de um ecoponto por cada 126 habitantes», acrescenta. A empresa vai, ainda, «proceder à aquisição de sete novas viaturas para a Recolha Seletiva», tendo reforçado o seu quadro de trabalhadores com seis novos colaboradores.

A ALGAR é responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos urbanos produzidos nos municípios de Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *