Águas do Algarve recebeu prémio relativo ao Plano de Eficiência e de Produção de Energia

A Águas do Algarve recebeu o prémio alusivo ao Plano de Eficiência e de Produção de Energia (PEPE), no dia 14 de novembro, no decurso das  IX Jornadas de Engenharia que decorreram em Lisboa.

O prémio recebido pela administradora Isabel Soares e por Francisco Vilanova, gestor de energia, vida destacar «as empresas que atingiram um grau de cumprimento do PEPE em 30 de junho de 2018, igual ou superior ao previsto no plano inicial, assim como também as empresas que imprimiram uma dinâmica de implementação superior a 10% no último semestre do período», de acordo com a informação enviada às redações.

A conquista deste prémio deveu-se à constituição de um « Comité de Energia, participado por todas as empresas do Grupo, que desenvolveu um plano de gestão de energia tendo como pressupostos a maximização do aproveitamento energético dos ativos e recursos endógenos e a racionalização dos consumos», considerando que mais de 50% dos custos operacionais respeitaram os consumos de energia.

Este PEPE «integra um conjunto de metas e objetivos para o período 2017-2020, cuja implementação permitirá ao Grupo Águas de Portugal melhorar o seu desempenho energético», acrescenta a mesma fonte e garante que «com a atribuição deste prémio foi dado relevo ao trabalho que, no âmbito da eficiência energética e produção própria de energia, vem sendo desenvolvido pela Águas do Algarve, o que muito nos honra e incentiva para continuarmos a fazer cada vez mais e melhor».

A cerimónia da entrega de prémios foi presidida por João Nuno Mendes, presidente do Conselho de Administração da Águas de Portugal, SGPS, SA.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *